Extracampo, conceito emprestado de Gilles Deleuze, trata do espaço que está para além do campo, o "espaço em off", indicado pela extensão do que é visível na imagem, no que está enquadrado (cinema e televisão).

 

A montagem consiste em criar uma narrativa entre os objetos dispostos no local, sugerindo continuidades espaciais imaginárias para a cena no interior da vitrina, explorando também a oposição entre a estaticidade interior e o contexto externo, a estação, marcada pelo intenso movimento dos transeuntes. 

IMG_3751
press to zoom
IMG_3740
press to zoom
IMG_3774
press to zoom
IMG_3772
press to zoom
IMG_3758
press to zoom
IMG_3795
press to zoom
IMG_3816
press to zoom
IMG_3812
press to zoom
IMG_3766
press to zoom
IMG_3814
press to zoom
1/1

Documentação sobre o trabalho realizado na Vitrina do Metrô MASP 2014-15 

Extracampo, 2014-15

lâmpadas fluorescentes, lenço de pvc, cabos de aço, voal, globo de espelhos, banqueta de madeira, veludo, pedra e pele de cobra. 

Vitrinas MASP | Programa de Artistas Emergentes

Curadoria: Regina Silveira

Coordenação: Renato Pera

Realização: MASP e Metrô de São Paulo